"Simplesmente eu, Clarice Lispector"

02:04:00Rio de Leitura



          No propósito de despertar e/ou solidificar o leitor adormecido que existe dentro de cada professor, um grupo de professores prestigiou o monólogo - extremamente denso, reflexivo e intenso - escrito e dirigido por Beth Goulart: “Simplesmente eu, Clarice Lispector”, neste último dia 27 de novembro, em única apresentação em Natal/RN.


          Na construção do enredo, recortes de entrevistas, depoimentos e correspondências da escritora, entremeados com os trechos das obras "Perto do Coração Selvagem", "Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres" e os contos "Amor" e "Perdoando Deus" deram, à artista, o Prêmio Shell - RJ, como melhor atriz por sua interpretação no espetáculo, já visto por mais de 400 mil pessoas.  Quatro mulheres, personagens da obra de Clarice, que, segundo a atriz, "representam algumas facetas da própria autora", foram escolhidas para apresentar ao público a obra de um dos maiores nomes da literatura brasileira.  Ao fim do espetáculo, Beth Goulart, aproveitou para exortar, aos presentes, a respeito do bom ato de ler e sorteou dois livros da escritora.


       

Você também pode gostar de

1 comentários

Postagens mais visitadas

Imagens Flickr

Formulário de contato