Livro Edições Cartonera; Francisco Martins: Rio de leitura

Reciclando Poesia - Editora Carolina Cartonera lança mais um livro em Parnamirim

13:11:00Rio de Leitura

Não se faz necessário temer a morte 
porque um escritor como Francisco Martins é eternizado 
naquilo que ele tem de mais grandioso ─ a palavra.

Não se faz necessário temer a morte 
porque com um trabalho de humilde lavra, 
com papel cartão, tesoura, cola e muita criatividade, 
não se infinda, fica na memória, 
o esforço no coração de cada menino e menina;

Não se faz necessário temer a morte 
um obreiro que labuta a palavra na escola pública 
com o mesmo garbo que se entrega a uma Academia de Letras;

Não se faz necessário temer a morte 
porque sempre será rememorado por cada criança 
do 3º ano B da Escola Municipal Homero Dantas, 
por Sylvania Melo e todos os alunos da Escola Nestor Lima 
e, agora, por Letícia Nunes,
 que hoje autografa seu primeiro livro de outros que virão.

Não se faz necessário temer a morte 
quem coleciona amigos.  
Eles colaboram com suas loucuras e viajam contigo.  
E, enquanto se dedicam ao ofício, colam,
 também, sua amizade, fazendo com que permaneçam assim, para sempre 
(menção honrosa à sua parceira de cartonagem Aracy Gomes 
que terá seu nome eternizado na Biblioteca Escolar da Escola Joana Alves);

Não se faz necessário temer a morte 
quem tem a eternidade já como realidade presente.  
 Já tem vida alongada quem harmoniza a sua linguagem 
com o Livro mais importante de todas as bibliotecas do mundo.

Não se faz necessário temer a morte 
um literato que, por mais que não se anuncie,
 trabalha em favor de um grupo de alunos, sem honorários extras, 
apenas em troca do que um artista merece: 
o reconhecimento que você tem aqui e nas escolas públicas deste município.


Homenagem feita a Francisco Martins, depois da leitura do conto italiano "A Terra onde Não se Morre Nunca", compilado por Ítalo Calvino. (Leia o texto aqui). O escritor potiguar dedicou-se a produção dos livros por uma editora alternativa que utiliza papelão reaproveitado para a publicação - a Carolina Cartonera - com um trabalho pioneiro no Rio Grande do Norte. A partir de um trabalho completamente artesanal, com folhas de sulfite grampeadas e capas de papelão coloridas à mão, Martins oportunizou aos adolescentes da rede municipal de nossa cidade, que seus pensamentos fossem eternizados em um livro: símbolo do projeto "Parnamirim, um rio que flui para o mar da leitura".  Hoje, dia 22 de dezembro de 2015, foi lançado o livro "Sentimentos em Versos" da escritora Letícia Nunes, de apenas 13 anos, aluna da Escola Municipal Joana Alves, com a colaboração do mediador de leitura Sérgio Oliveira e demais professores da instituição.

Francisco Martins apresenta a sua 5ª obra pela Editora Cartonera
Alunas apresentam sarau com poemas da jovem escriba
Letícia autografa o seu primeiro livro



Você também pode gostar de

0 comentários

Postagens mais visitadas

Imagens Flickr

Formulário de contato