Memórias de um Talão: alunos da EJA conhecem a saga do editor Cortez

12:07:00Rio de Leitura

          "Há os que calçam sandálias para fugir e há aqueles que a usam para buscar.  Há que se ter uma necessária dose de coragem para sair ter o aconchegante do sertão e cair em um mundo cheio de caminhos.

          Há que se pintar de azul as alpercatas de couro, por perder o azul do horizonte, para que os calcanhares ganhem asas.


          Uma dose extra de bravura para ser peregrino e trilhar por escadas e degraus, canções, ruas e ruazinhas sem fim.


          Rotas mil foram trilhadas e as botinas ficaram sujas de tempo.  Os pés calejaram. 
Hoje há os que te seguem Cortez, graças a essa trajetória brilhante e poética construída. Dos talões, alpercatas, botas e chinelos aos mais sofisticados sapatos, havia um que guiava os passos."


          Texto lido em homenagem ao editor José Xavier Cortez, presente na Escola Municipal Maria Francinete, no dia 12 de abril de 2016, para uma 'Roda de Conversa" com alunos da Educação de Jovens e Adultos.  O tema foi exatamente este: os "Talões", que era o nome dado pelos irmãos de Cortez às alpercatas, as vezes compartilhadas pelos 'manos' e utilizado como símbolo em um quadro para que o mesmo não esqueça de suas raízes.  



          Os alunos iam entregando, desde sandálias infantis até calçados mais refinados, e narrando a sua história com trechos do livro "Cortez: A Saga de um Sonhador", até que o editor fosse presenteado com um porta-chaves com as famosas sandálias de couro. 




        Nosso desejo é que haja uma inspiração para estes alunos,com uma história tão complexa e com direitos historicamente negados. Calçados de esperança, sigamos!



Você também pode gostar de

0 comentários

Postagens mais visitadas

Imagens Flickr

Formulário de contato