Com homens e livros: Frente Parlamentar em defesa do livro de Parnamirim promove encontro sobre o tema

14:36:00Rio de Leitura

“Vossa Senhoria tem o seu negócio montado, e quanto mais coisas vender, maior será o lucro. Quer vender também uma coisa chamada livro? V. Sª não precisa inteirar-se do que essa coisa é. Trata-se de um artigo comercial como qualquer outro, batata, querosene ou bacalhau.”    Monteiro Lobato


          Foi através de um anúncio como esse: divertido, com linguagem irônica e convincente, que Monteiro Lobato construiu sua sua relação com os livros de duas formas: escrevendo e editando livros e, assim, garantiu a entrada no mercado de um sem número de escritores.  Lobato não só criou a mercadoria livro, como maneiras para que esta produção circulasse, inclusive dentro de escolas com um livro barato e de qualidade, acessível a todas as camadas da população.

         Enfim, foi reverenciando esse personagem de tão grande importância literária no Brasil, que a Câmara Municipal de Parnamirim, através de sua Frente Parlamentar em defesa do Livro e da Leitura trouxe a professora Dra. Tamara Abreu, para ministrar sobre este escritor de tão grande relevância no cenário nacional, e por que não dizer, internacional.  Tâmara veio acompanhada de seus filhos Lino e Helena (com nomes inspirados em clássicos), que leram trechos da obra lobatiana com maestria.  





          À tarde, as gestoras da educação municipal e estadual, Francisca Henrique e Rosires Paiva apresentaram um pouco do cenário das bibliotecas e das políticas públicas em Parnamirim, tudo regado a textos de Fernando Pessoa e outros escritores literários, lembrando a importância dos contos de fadas para a humanização e constituição do ser.  

         Pela manhã, uma mesa com os patronos das bibliotecas escolares Francisco Martins, José de Castro, Salizete Freire e José Acaci celebravam uma das datas mais salutares para o nosso ofício, que é o Dia Nacional do Livro Infantil. Compartilharam suas experiências enquanto leitores e escritores encantando o público presente composto de professores e pais.  Crianças das Escolas Neilza Gomes e do CMEI Maria Dilma e alunos da EJA do Manoel Machado compartilharam leituras que elevaram e emocionaram os presentes.

          Nossa reverência as vereadoras Nilda Cruz, Fativan Alves e Vandilma de Oliveira pela promoção e aprofundamento do debate acadêmico na Casa do Povo. Foram horas salutares de partilha e profunda conexão com a máxima lobatiana de que precisamos, realmente, construir uma cidade com homens e livros.








Você também pode gostar de

0 comentários

Postagens mais visitadas

Imagens Flickr

Formulário de contato