Prédio da Biblioteca Câmara Cascudo é entregue à população potiguar

08:18:00Rio de Leitura

          Difícil não comparar a realidade da Colômbia, país de realidade similar ao Brasil, que por várias décadas, tem se dedicado à construção de bibliotecas públicas - onde se tornaram modelo arquitetônico e de organização - com a única capital brasileira que estava sem biblioteca.  Sim, a única biblioteca pública da cidade de Natal estava fechada há quase seis anos e hoje, dez dias antes do aniversário de 120 anos de Câmara Cascudo, foi entregue o prédio à população.

        A Secretária de Educação, Cláudia Santa Rosa, disse, em seu discurso, que "todas as escolas que tem desempenho diferenciado no IDEB, há a constatação de um trabalho forte na promoção da leitura" , e com essa máxima concordamos.

          Ainda há que se lamentar que o prédio foi entregue sem o acervo de mais de cem mil livros, que traz o brilho a todo e qualquer equipamento como este, mas foi um importante passo dado: a volta de uma herança comum que partilhamos junto a Professora Gabrielle Tanus e alunos de Biblioteconomia (UFRN), mediadores de leitura e tantos outros que tem missão entrelaçada a formação de leitores.  

          A senhora cinquentenária, que habita ao lado da Colégio Atheneu, aguarda os áureos anos documentados por Câmara Cascudo, na sua obra "A Educação do Homem Culto", onde se lê que lá "os poetas liam os poemas e os historiadores o relato dos jornais pelas terras estranhas e misteriosas". 






Você também pode gostar de

0 comentários

Postagens mais visitadas

Imagens Flickr

Formulário de contato